Suas Paranoias Te Controlam?

Uma vez estava tentando entender minhas paranoias. Então, passei a me questionar: qual a origem dos meus pensamentos paranoicos e negativos? Seria meu “eu das sombras” ou alguma força externa? Talvez o fato de eu usar o pronome possessivo “meu” ao me referir a esses pensamentos já fosse um indício que apontasse para a origem do problema, pois estava assumindo que esses pensamentos eram “meus” sem eles necessariamente serem.

Mas assumindo que eles o fossem, poderiam não serem necessariamente ruins?

Parto do princípio que as coisas tendem a não serem puramente ruins ou boas. Por exemplo, o veneno de cascavel que é algo intrinsecamente visto como algo ruim, já está sendo pesquisado para ser utilizado em tratamentos contra o câncer. E para a própria cascavel ele é algo bom. Trazendo essa analogia para a nossa vida cotidiana, pode-se dizer que o pessimismo é uma característica ruim, mas se for convertida em arte – quadros, música, textos – pode ser uma característica transmutada em algo positivo.

DarkClouds
As nuvens mais escuras lavam as energias negativas ou te molham até os ossos?

Por isso, pensei nas paranoias como uma mangueira de água cuja torneira está aberta com muita força. Há muita água correndo e está alagando tudo. Pois se eu assumisse o controle dessa torneira, poderia utilizar essa água quando quiser, da maneira que quisesse. Poderia utilizar esses pensamentos de forma consciente e equilibrada para evitar riscos desnecessários, diferente da forma como esses pensamentos eram usados, que eram para tentar evitar e antever todo e qualquer perigo ou problema que poderia acontecer, mesmo problemas improváveis.

E assim levantei outra questão: eu estava conseguindo prever e evita todo e qualquer perigo?

Hoje posso afirmar com certeza: evidentemente que não!

E quando os problemas ocorreram, essa tentativa de tentar prevê-los me ajudou estar preparado para enfrentá-los? Não. Pelo contrário, pois consumiu uma energia vital desnecessariamente.

E quando os problemas de fato aconteciam, eu conseguia buscar soluções apesar de não os ter previsto? Se o problema tinha uma solução, sim.

Portanto, o problema de pensamentos paranoicos e pessimistas já possuía uma solução. E eu nem precisei prever que um dia eu teria que enfrentar esse problema.

E você, se é paranoico ou pessimista, utilizando esses pensamentos como bússola, por acaso já conseguiu melhorar sua vida ou eles simplesmente drenaram sua energia?

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s